Constipação intestinal: o que é e como evitar?

Constipação intestinal: o que é e como evitar?

Você já passou por aquela sensação de se sentir estufado e não ir ao banheiro para evacuar mais que três vezes por semana? Caso se recorde de um momento assim, provavelmente, você estava com constipação intestinal (mais popularmente conhecida como prisão de ventre).

Para facilitar o diagnóstico dessa doença foram padronizados seis sintomas:

• Ir ao banheiro menos de três vezes na semana para evacuar
• Esforço para evacuar
• Sensação de esvaziamento incompleto
• Sensação de obstrução ou interrupção de evacuação
• Manobras manuais para facilitar as evacuações

Para ser considerada constipado, é necessário apresentar dois ou mais sintomas dos que estão acima. Outra maneira de confirmar um diagnóstico desse é a partir de uma complicação desse quadro, quando é intensificada a dor abdominal, a presença de hemorroida, fissura e até mesmo incontinência anal.

Outra consequência que pode estar relacionada à constipação intestinal é problemas urinários. Normalmente, com a região do reto cheia de fezes, há uma maior pressão na bexiga. Além do desconforto no organismo, esse mecanismo pode desencadear uma maior frequência de ida ao banheiro para urinar. A recorrência desses episódios pode levar a um enfraquecimento dos órgãos pélvicos, o que pode desencadear incontinência urinária de esforço, por exemplo.

Há vários tipos de constipação intestinal. A mais comum recebe o nome de “funcional”, que não apresenta causas orgânicas definidas. Ela é diagnosticada em pacientes que apresentam pelo menos dois desses sintomas, daqueles que relacionamos acima, com duração de até 12 semanas.

O que causa e como evitar a constipação intestinal?

Basicamente, ela é provocada pelo baixo consumo de fibras. Até porque o intestino, um órgão muito importante de nosso organismo, depende de três elementos essenciais para seu bom funcionamento, sendo eles: a ingestão da água, o consumo de fibras e a prática de atividade física. Deve-se atentar ainda quanto à ingestão de alguns medicamentos e suplementos alimentares como potenciais causas para provocar a constipação intestinal.

Mas para evitar essa doença não podemos abrir mão de um cardápio equilibrado e, acima de tudo, saudável.

Você sabe quais frutas, legumes e verduras são ótimas fontes de fibra? Aí vai uma lista daqueles que não podem faltar em sua casa:
• Ameixa
• Abacate
• Mamão
• Manga
• Folhas em geral ( Alface, agrião, rúcula, acelga, etc.)
• Tamarindo

Outros itens que dão um reforço na fonte de fibras são:
• Arroz integral
• Farelo de aveia
• Semente de Chia
• Sementes de linhaça
• Quinua

Naturalmente, que os alimentos industrializados não contribuem para o bom funcionamento do organismo.
Caso a mudança do cardápio não resolva, o tratamento clínico de constipação intestinal incluirá a suplementação das fibras na dieta, de forma natural ou farmacológica. Quando o quadro não melhora, segue-se uma etapa de pesquisa das funções motoras do cólon.

De qualquer forma, é preciso buscar apoio de especialista para obter uma melhor qualidade vida.
Quer continuar recebendo dicas para uma vida saudável? Curta minha página no Facebook, onde coloco várias recomendações. Até o próximo post!

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado